Escola Bíblica Dominical - 3º Trimestre 2017 - Lição Nr 13

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Você é religioso?

  Gênesis 3

-Introdução: O homem é um ser religioso, e onde quer que se encontre ser humano, se encontram vestígios de religiosidade. Você já parou para pensar como tudo começou? De onde veio a religião? Será que estamos fazendo a coisa certa?
A palavra Religião vem do latim (religare) e, na sua essência significa: “ligar novamente”, o que indica a idéia que o homem está separado de Deus (Romanos 3.23). Desde a queda da humanidade, existe a necessidade natural do homem em querer ligar-se novamente a DEUS.
Qual foi a primeira religião?
Vamos refletir sobre o texto de Gênesis 3 e aprender um pouco sobre a religiosidade humana: 

A 1ª Religião: Gênesis 3.8
Toda religião tem preceitos, ordenanças, limites, conceitos, crenças, etc. A primeira religião foi fundada por Deus no paraíso e era muito simples, pois consistia apenas num relacionamento entre Deus e o homem. Era uma forma de ligar o homem ao seu DEUS.
A 1ª Doutrina: Gênesis 2.16 e 17
Deus plantou um jardim e entregou ao homem para administrar (Gênesis 2.15), mas nesse jardim havia duas árvores especiais: a árvore da Vida e a árvore do Conhecimento do Bem e do Mal (Gênesis 2.9 e 15).
Deus, talvez para testar a fidelidade do homem, deu a ele apenas uma ordem: de não comer da árvore do conhecimento do bem e do mal; com o aviso de que se comesse morreria e não disse nada sobre a árvore da vida. Contudo havia dita: “de toda árvore comerá”, v.16.
A 1ª Interpretação: II Pedro 1.20 (João 14.26 e II Ttimóteo 3.16).
Foi aí, através dessa primeira doutrina estabelecida no relacionamento entre Deus e o ser humano, que aconteceu a primeira interpretação da Palavra de Deus.
-Vejamos como aconteceu segundo Gênesis 3.1-6:
a)      Dúvida e extremismo: v.1, a serpente fez uma pergunta duvidosa e extremista sobre uma palavra dada por Deus.
b)      A Palavra pura: v.2 e 3, Eva, com suas palavras disse exatamente como Deus havia mandado.
c)      A interpretação: v. 4 e 5, a serpente interpretou da forma que lhe convinha. Em Mateus 4.11, satanás tenta interpretar a Bíblia, mas Jesus entende muito bem de Bíblia!
d)      O Resultado: v.6 e 7, a queda e separação da humanidade de Deus.
“olhos abertos”, muitas vezes quando pecamos e conhecemos o“bem e o mal” os nossos olhos se abrem para ver a “nudez” do outro. Passamos a enxergar defeitos do próximo para não termos que ver os nossos próprios e procuramos encontrar um culpado para os nossos pecados.
A 1ª Procura: Gênesis 3.8-10
A iniciativa para o religare partiu de Deus para o homem!
Foi Deus quem procurou o homem depois da queda e o homem fugiu de Deus arrumando desculpas paras não ir se encontrar com o Senhor.
Quantas vezes nós estamos em pecado e paramos de orar e buscar a presença do Senhor, por causa do pecados não confessados? Deus é quem nos escolheu (João 15.16) e antes de nós O amarmos Ele nos amou primeiro (I João 4.19).
O 1º Culpado: Gênesis 3.11-13
Quando o Senhor interrogou o homem e a mulher sobre o motivo de não irem se encontrar com Ele, nenhum dos dois confessou o pecado, mas foram transferindo a responsabilidade de um para o outro até culparem a cobra (serpente).
As religiões de hoje tentam arrumar um culpado para os pecados (tudo é culpa do diabo, ou das outras pessoas, ou ninguém tem culpa - é o que dizem), levando o homem a pensar que é bom, não tendo que confessar seus pecados.
CRISTIANISMO SEM CRUZ NÃO É CRISTÃO!
A 1ª Sentença: Gênesis 3.14-20
a)      Da serpente: v.14 e 15 cobra como pó e só tem acesso ao homem que estiver no pó do pecado ‘na carne’ e que não se deixa ser barro nas mãos do Oleiro que nos molha com sua Palavra e nos molda com as próprias mãos (Eclesiastes 12.7;Jeremias 18.6).
b)      Da mulher: v.16, a serpente picou o calcanhar do descendente da mulher –JESUS- mas este pisou na cabeça da serpente e deu à ‘descendência’ da mulher (Igreja) esta mesma autoridade de pisar serpentes e escorpiões (Romanos 16.20 e Lucas 10.19).
c)      Do homem: v.17-20, Os espinhos que brotaram na terra como conseqüência do pecado foram cravados em JESUS CRISTO na cruz do calvário (Marcos 15.17).
O 1º Sacrifício: Gênesis 3.21
Mesmo assim Deus deu providência para encobrir os pecados da humanidade através do “Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”(João 1.29).
O 1º Obstáculo: Gênesis 3.22-24
A partir daqui o homem conheceu a malícia (Gênesis 3.7) e Deus viu que ele então começaria uma busca intensa pela vida eterna a qual perdera, mas em pecado não poderia obtê-la (Romanos 6.23). O homem poderia desejar provar da árvore da Vida para não ser mortal, mas Deus viu que isso faria com que o pecado se tornasse eterno na vida do homem e interviu.
Antes Deus tinha deixado a árvore da Vida a dispor da humanidade, mas agora não seria tão simples assim. Deus tirou o homem do paraíso e protegeu a árvore da Vida para que o homem não fizesse com ela o que fez com a do conhecimento do bem e do mal.
Desde sua queda a maior busca da humanidade tem sido a eternidade e todas as religiões (ou quase todas) a prometem.
A 1ª Solução: Gênesis 3.24
A solução é enfrentar os obstáculos e provar da árvore da Vida. São três os obstáculos para alcançar a árvore da Vida: o caminho, os querubins e a espada flamejante.
1) O Caminho: João 14.6 e 15.1
Jesus é o caminho, é a vida e é a videira verdadeira. Devemos entrar neste caminho de vida.
2) Os Querubins: Salmos 99.1 (II Reis 19.15)
Na arca da aliança, havia querubins onde Deus se manifestava e estes são a classe dos anjos que zelam pela santidade de Deus, tendo a função protetora das coisas santas, por isso Deus colocou dois querubins protegendo a árvore da vida.
Deus está entronizado acima dos querubins, devemos entrar na presença de Deus e passar pelos querubins com uma vida santificada e consagrada na presença do Senhor.
Somente através da oração e consagração entramos na presença de Deus e passamos pelos querubins. Deus está entre os querubins e com Ele está a árvore da vida.
3) A Espada: Hebreus 4.12
Para chegarmos até a árvore da vida devemos passar pela espada flamejante da Palavra de Deus. É preciso deixar que a espada penetre e corte “separando” de nós tudo o que não é de Deus (Mateus 5.29-30). A Palavra de Deus põe cada coisa em seu lugar.
A 1ª Salvação: Apocalipse 2.7
“O vencedor (quem passar pelos obstáculos) provará da árvore da vida”.
Muitas religiões têm procurado ‘outro caminho’, se encontrando com ‘querubins decaídos’ e fugindo e da ‘espada flamejante’.
Não seja apenas um religioso, 
seja um verdadeiro cristão!
-CONCLUSÃO: João 6.68
SÓ JESUS TEM AS PALAVRAS DE VIDA ETERNA!
Não podemos nos esquecer da simplicidade do Evangelho em nosso relacionamento com Deus e nem aceitar interpretações distorcidas, comendo do Conhecimento do bem e do mal, em vez de buscar a Vida Eterna ou olhar para a ‘nudez’ do outro, fugindo de Deus para não confessar os pecados.
Entre neste caminho e deixe-se cortar pela Palavra de Deus para receber a Vida Eterna!

Canal Luisa Criativa

= Assista, curta, comente, inscreva-se e compartilhe. Atualização semanal todos os domingos às 16:00 horas.

Vote Projetos

Crie seu próprio questionário de feedback de usuário - Professor Julio Cesar Martins

Perfumaria e Cosméticos

Perfumaria e Cosméticos
Compre os seus produtos de beleza on-line.

Classificação da Perseguição Religiosa 2017!

Classificação da Perseguição Religiosa 2017!
Classificação dos 50 Países com Perseguição Religiosa, onde seguir à Jesus pode custar a vida. Atualizado em 2017.

Noticias Gospel Mais...

Parceria

O Evangelho de Jesus Cristo, alçando o Mundo!

My Instram