Escola Bíblica Dominical - 3º Trimestre 2017 - Lição Nr 13

terça-feira, 4 de março de 2014

O CALENDÁRIO CRISTÃO...

O CALENDÁRIO CRISTÃO



O Calendário Cristão ou Calendário Litúrgico, tem a função de lembrar as datas cristãs mais importantes pois através dele "comemoramos os feitos de Deus por meio de Jesus Cristo. Lembramos o que Ele fez e apontamos para o que Ele faz e fará na vida de cada cristão por meio de Jesus Cristo.", e também serve para guiar as comemorações cristãs durante o ano.

O dia mais significativo dentro do Calendário Cristão é o domingo, por ser este o dia da ressurreição de Jesus, e desde os primórdios do Cristianismo, os cristãos se reunem neste dia e celebram o "Mistério Pascal de Jesus."

O Calendário Cristão é diferente do Calendário Civil, pois enquanto este começa no dia 1º de janeiro e termina no dia 31 de dezembro, o Calendário Litúrgico "começa no 1º domingo do Advento (cerca de quatro semanas antes do natal) e termina no sábado anterior a ele."

No século XII d.C foram adotadas as cores litúrgicas e visam demostrar externamente o caráter das celebrações litúrgicas e manter uma consciência de uma vida cristã que progride com o desenrolar do Ano Litúrgico.

O Calendário Cristão é caracterizado pelo tempo comum e o tempo não-comum, sendo que este é o mais "importante, por ser caracterizado pelos dias mais significativos do Calendário Cristão.", O Calendário está dividido em Ciclo do Natal, Ciclo da Páscoa e Tempo Comum.

1 - O Ciclo do Natal

"O Ciclo do Natal começa com o Advento, é coroado com o Nascimento do menino Jesus, comemorado no dia 25 de dezembro do calendário cívico, e termina com o Batismo do Senhor Jesus, oito dias depois."

1.1 – Advento

É o tempo que marca o início do Calendário litúrgico, tem origem documentada a partir do século IV d.C. É a preparação para o nascimento de Jesus e tem como foco "a expectativa da vinda do Messias, o Cristo prometido." pode ser dividido em duas partes: "os dois primeiros domingos enfatizam o Advento Escatológico" ou seja é a expectativa para a segunda vinda definitiva e gloriosa de Jesus Cristo, "e o terceiro e quarto domingos a Preparação do Natal de Cristo."

"A espiritualidade do Advento é marcada pela esperança e o aguardo do Messias prometido, pela fé na concretização das promessas de Deus; pela demonstração concreta do amor de Deus com a chegada do Messias e pela paz, anunciada e plenificada pelo Messias."

Por estes motivos o Advento é um tempo de "piedosa e alegre expectativa", tendo como cor litúrgica o azul "que expressa a esperança."

1.2- Natal

É o segundo tempo deste ciclo, teve sua origem em meados do século IV d. C. Porém sua aceitação como festa cristã só ocorreu no século VI d.C., a palavra natal significa nascimento, mais para a cristandade este significado é ainda mais profundo, pois com o nascimento de Cristo 'o verbo se fez carne e habitou entre nós'.

"Este é o verbo que atrai para si toda a criação a fim de reintegrá-la ao projeto salvífico de Deus."

O Natal é comemorado no dia 25 de dezembro do Calendário Civil e tem como cor litúrgica o branco pois "simboliza divindade, luz, pureza, alegria e vitória."

1.3- Epifania

É o terceiro tempo deste ciclo, teve origem no Oriente, mas somente a partir do século IV d.C. É que passou a ser aceito no Ocidente a fim de rememorar a visita dos reis magos ao Messias que havia chegado. Neste tempo é celebrado a manifestação de Cristo ao seres humanos, "A espiritualidade deste período é caracterizada pela manifestação e aparição de Cristo ao mundo. É o Cristo prometido que se torna uma realidade na vida de mulheres e homens que procuram a paz, a justiça e o amor."

1.4- Batismo do Senhor

É celebrado no primeiro domingo após a Epifania, representando o início da missão de Jesus no mundo é uma continuidade da epifania e representa Deus (por meio de Jesus Cristo), indo até os seres humanos para cumprir sua missão. "A espiritualidade deste dia é marcada pela missão iniciada por Jesus em prol dos menos favorecidos e injustiçados."

Após o Batismo do Senhor se finda o Ciclo do Natal, dando início ao tempo comum, ou tempo após Epifania.

2- O Ciclo Pascal

"O Ciclo Pascal é composto pela Quaresma, Semana Santa, Período de Páscoa e se encerra no Pentecostes. Formou-se a partir de um processo de reflexão e sistematização do cristianismo, que vais do primeiro ao quarto século da Era Cristã."

2.1- Quaresma

A Quaresma tem o seu início na quarta-feira de cinzas e termina na quinta-feira santa, na celebração da última ceia de Jesus Cristo com os apóstolos, seu tempo é de quarenta dias, porém os dias corridos são quarenta e sete (os domingos não são contados), é um tempo marcado pela meditação e contrição e a cor litúrgia deste período é o roxo que "simboliza penitência e serenidade"

2.2 – Semana Santa

Inicia-se no Domingo de Ramos que tem a celebração de Cristo como Messias e reflete os últimos passos de Jesus, a instituição da Eucaristia, pelo lava-pés, a traição prisão e crucificação do Senhor, sendo este o momento de preparação para a ressureição. "Sua espiritualidade chama-nos a atenção para os momentos finais de Jesus até o ápice de sua paixão", sua cor litúrgica é o roxo.

2.3 – Páscoa

É a festa da ressurreição e da libertação, é a humanidade através de Cristo, passando da morte para a vida,  "É a festa mais importante do Calendário Litúrgico" e sua espiritualidade aponta para os mais variados relatos da ressurreição feitos pelas comunidades cristãs do século I d.C.. Sua cor liturgica é o branco.

2.4- Pentecostes

Entre os hebreus era a celebração da chamada "festas das semanas", em que o povo dava graças ao Senhor pela colheita.

Na era cristã é o ultimo dia do Ciclo Pascal, cinquenta dias após a Páscoa, quando é celebrada a chegada do Espírito Santo "como aquele que atualiza a presença do ressiscitado entre nós, dando força para que as comunidades sejam testemunhas de Jesus na história.

Sua cor litúrgica é o vermelho pois "lembra o fogo do Espírito Santo", e A espiritualidade que nos orienta nesse período fala da presença consoladora do Espírito que semeia nos corações a esperança do reino de Deus e nos impulsiona para a missão.

3- Tempo Comum

É o período mais extenso do Calendário Cristão ( 33 ou 34 semanas, dependendo do ano civil) e "ressalta o significado de que Deus não é Senhor somente das coisas extraordinárias, mas também o é do cotidiano. Enfatiza a presença constante e amorosa do Pai na caminhada do povo rumo à plenitude do Reino. A cada celebração, antecipamos a eterna liturgia do céu, para o qual nos preparamos, dia-a-dia, tanto no tempo festivo como no tempo comum.

O elemento principal e mais forte do Tempo Comum é o Domingo, onde é comemorado o próprio Mistério de Cristo em sua plenitude, sua cor litúrgica é o verde que "simboliza vida, esperança e crescimento.

O Tempo Comum se divide em dois períodos: O primeiro que tem início na segunda-feira após a comemoração do Batismo do Senhor e vai até a véspera da Quarta-feira de Cinzas, quando começa a Quaresma (Ciclo Pascal) e o segundo que é também o período mais longo começa na segunda- feira após o Pentecostes e dura até a véspera do Primeiro Domingo do Advento, quando tem início o Ciclo do Natal.

Conclusão

O Calendário cristão faz parte dos dois mil anos de história do cristianismo, e serve para nos lembrar de todas as etapas da vida de Jesus na terra, mas muitas igrejas evangélicas não o observam e nem comemoram suas datas, devido ao sentimento anti-católico que nutrem, deixando de lado festividades genuinamente cristãs e muitas vezes preferindo comemorar festas judaicas que nada tem a ver com o cristianismo.

Canal Luisa Criativa

= Assista, curta, comente, inscreva-se e compartilhe. Atualização semanal todos os domingos às 16:00 horas.

Vote Projetos

Crie seu próprio questionário de feedback de usuário - Professor Julio Cesar Martins

Perfumaria e Cosméticos

Perfumaria e Cosméticos
Compre os seus produtos de beleza on-line.

Classificação da Perseguição Religiosa 2017!

Classificação da Perseguição Religiosa 2017!
Classificação dos 50 Países com Perseguição Religiosa, onde seguir à Jesus pode custar a vida. Atualizado em 2017.

Noticias Gospel Mais...

Parceria

O Evangelho de Jesus Cristo, alçando o Mundo!

My Instram